Pages

04 novembro, 2008

Nossa, gente!

A coisa anda mal
A multidão entende
E cala
Até que o povo grite
Um dia (o momento ideal)
A fome e a miséria nossa
Está faltando ação
É o momento oportuno
Com frutos maduros
Que estão os pássaros a devorar
Frutos que caem
No solo pátrio
A se espatifar


(Grau) Granjeiros pedem tempo
Deixando a multidão
Ululante sem alimento
Como escravo do “senhor”
Morrem famintos
Os filhos do povo Sofredor
Postar um comentário